Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA
ARTES CÊNICAS (28001010035P0)
Todo mundo pode fazer teatro: o teatro do oprimido e a formação político-estética de trabalhadores da indústria
CILENE NASCIMENTO CANDA
TESE
08/03/2013

A pesquisa, de caráter qualitativo, visa a analisar o processo de formação estética e política de trabalhadores da indústria pelo viés do Teatro do Oprimido. Para tanto, foram estudadas as características do contexto social contemporâneo, ressaltando o campo do trabalho e da estética contemporânea, com vistas a delimitar a importância do Teatro do Oprimido para a formação de trabalhadores na atual conjuntura social. A coleta de dados foi norteada pela abordagem qualitativa de pesquisa, tendo como método a pesquisa-ação. Nos procedimentos metodológicos, o jogo foi identificado como principal estratégia de formação estética e política, sendo ressaltado em diversas pesquisas no âmbito da Pedagogia do Teatro e do Teatro do Oprimido. O trabalho apresenta as etapas do processo formativo do Grupo Embasart, composto por trabalhadores da Empresa Baiana de Águas e Saneamento, ressaltando desde a aplicação de jogos e exercícios, os desafios de inserção do Teatro do Oprimido em uma indústria, o processo de encenação de Teatro-fórum, até a análise das intervenções produzidas pelos espect-atores do espetáculo Cresça e Apareça. Os dados empíricos foram analisados à luz da mediação do processo formativo de trabalhadores, dos depoimentos coletados sobre a experiência e da observação das intervenções dos espect-atores em um espetáculo de Teatro-fórum, procurando compreender o lugar do sujeito como cocriador da experiência teatral. A descrição detalhada dos dados obtidos e os resultados da pesquisa ampliam a compreensão de uma Pedagogia do Teatro do Oprimido como experiência complexa, pelo seu caráter estético, político e educativo. No texto, a técnica do Teatro-fórum é analisada em uma perspectiva de formação de atores e de espect-atores, de cunho crítico e improvisacional, destacando-se a mediação do curinga, visto como educador que provoca reflexões e estimula a participação ativa da platéia, como ensaio para novas ações cotidianas. A pesquisa revelou a influência da prática do Teatro do Oprimido para a ampliação do olhar estético, para a aprendizagem improvisacional e para um maior empoderamento do trabalhador em seu contexto do trabalho. Em virtude dos parcos estudos sobre Teatro do Oprimido, no âmbito da Pedagogia do Teatro, o trabalho aponta novas direções de pesquisa, especialmente a estimulação sensorial do corpo e da voz dos participantes de um processo de formação estético-político.

Teatro do Oprimido. Pedagogia do Teatro. Jogo. Formação estética-política.
The research, qualitative, aims to analyze the aesthetic and politic training process of industrial workers by the Theater of Oppressed. For both, the characteristics of the contemporary social context were studied, highlighting the work and contemporary aesthetic field, with a view to delimit the Theater of Oppressed importancefor the workers training in the current social conjuncture. The data collect was guided by the research qualitative approach, having the research-action like a method. In the methodological procedures, the game was identified like the main strategy of aesthetic and politictraining, been highlighted in several researches in the Pedagogy of Theater and Theater of Oppressedscope. The work presents the steps of the GrupoEmbasart‟straining process, compounded by EmpresaBaiana de Águas e Saneamento‟sworkers, highlighting since the application of games and exercises, the challenges of Theater of Oppressed insertion in an industry, the process of theater-forum staging, to the analyze the interventions produced by spect-actors of the spectacle Cresça e Apareça. The empiric data were analyzed by the mediation of the workers training process, by testimonials collected about the experience and by the observation of the espect-actors interventions in a theater-forum spectacle, searching to understand the site of subject like theatrical experienceco-creator. The detailed description of the obtained data and the research results expand the comprehension of a Theater of Oppressed Pedagogy like a complex experience, by its aesthetic, politic and educational character. In the text, the theater-forum technique is analyzed in an actor and espect-actorstraining perspective, by critical and improvisational essence, highlighting the wildcard mediation, seemed like the educator that provokes reflections and stimulates the audience active participation, like a test to new everyday actions. The research demonstrates that the Theater of Oppressed practices influence to aesthetic viewexpansion, to the improvisational learning and to a more worker empowerment in his work context. Because the scant studies about Theater of Oppressed, in the Pedagogy of Theater scope, the work appoint to new researches directions, especiallythe participants‟ body and voice sensorial stimulation of the aesthetic-politics training process
Theater of Oppressed. Pedagogy of Theater. Game. Aesthetic and politic training.
1
263
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

ARTES CÊNICAS
DRAMATURGIA, HISTÓRIA E RECEPÇÃO
DO MODELO DRAMATÚRGICO DE ARMAND GATTI AO ESPETÁCULO-FÓRUM DE AUGUSTO BOAL: ELEMENTOS PARA UMA PEDAGOGIA DA INTERVENÇÃO

Banca Examinadora

ANTONIA PEREIRA BEZERRA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
CELIDA SALUME MENDONCA Docente - COLABORADOR
ROBERTO SANCHES RABELLO Participante Externo
SILVIA BALESTRERI NUNES Participante Externo
JOSE MAURO BARBOSA RIBEIRO Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim