Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
MEDICINA (UROLOGIA) (33009015021P1)
Efeito da varicocele no perfil proteômico do plasma seminal de adolescentes.
PAULA TONI DEL GIUDICE BERTOLLA
TESE
31/10/2014

Objetivo: Os objetivos desse estudo foram (i) Identificar biomarcadores proteômicos seminais de disfunção testicular em adolescentes com varicocele e (ii) Identificar biomarcadores proteômicos seminais com valor prognóstico para tratamento na varicocele em adolescentes. Método: Para o estudo 1, foi realizado um estudo observacional em 77 adolescentes divididos em Controle (sem varicocele, n=23), VSN (com varicocele e sêmen normal, n=37) e VSA (com varicocele e sêmen alterado, n=17). Para o estudo 2, 19 adolescentes foram incluídos em estudo prospectivo. Os adolescentes coletaram 2 amostras seminais com 1 intervalo entre coletas e 2 a 5 dias de abstinência ejaculatória. Para o estudo 2 os adolescentes foram submetidos à varicocelectomia subinguinal microcirúrgica e coletaram amostras seminais (2, com uma semana de intervalo) a cada 3 meses pós-cirúrgicos, até 12 meses de acompanhamento. As melhores amostras foram incluídas no estudo. O plasma seminal foi isolado e as proteínas determinadas por uma abordagem quantitativa sem gel e sem marcação através de cromatografia líquida seguida de espectrometria de massas em tandem (LC-MS/MS). Resultados: Para o estudo 1 foram construídos pools com variação biológica (4 pools / grupo, indivíduos diferentes em cada pool), e para o estudo 2 os indivíduos foram analisados individualmente, de maneira pareada. Todas as amostras foram analisadas em triplicatas técnicas. Para o estudo 1, 541 proteínas foram identificadas e quantificadas: 108 exclusivas ou hiperexpressas no grupo Controle, 26 no grupo VSN e 13 no grupo VSA. Os biomarcadores identificados são Cab45 (Q9BRK5), Protein lefty-1 (O75610), DNase I (P24855), PAP2-alpha (O14494), IBP-7 (Q16270), HDC (P01860), e CRISP-3 (P54108). Para o estudo 2, 857 proteínas foram identificadas e quantificadas, das quais 39 diferencialmente expressas entre pré- e pós-varicocelectomia. Dessas, 20 foram consistentemente hipoexpressase 3 hiperexpressas após a cirurgia. Os biomarcadores identificados são WD repeat-containing protein 1 (WDR1), 3'(2'),5'-bisphosphate nucleotidase 1 (BPNT1), Reticulocalbin-1 (RCN1), e Cystatin-M (CST6). Conclusão: Biomarcadores específicos de espermatogênese e homeostase foram observados em adolescentes sem varicocele. A presença de uma varicocele desviou a função do plasma seminal para um estado imune, até atingir um estado inflamatório crônico em adolescentes com varicocele e alteração seminal. Diversas proteínas estão diferencialmente expressas após a varicocelectomia, com ênfase para os processos de endopeptidase de cisteína e homeostase de cálcio e fosforilação. Os biomarcadores gerados poderão auxiliar na decisão médica de intervir em adolescentes com varicocele.

adolescente; proteoma; sêmen; varicocele
-
-
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

REPRODUÇÃO HUMANA E ANDROLOGIA
MECANISMOS CELULARES E MOLECULARES DA INFERTILIDADE MASCULINA
Identificação de potenciais biomarcadores para diagnóstico e tratamento de infertilidade masculina: um estudo proteômico e lipidômico de plasma seminal e espermatozoides.

Banca Examinadora

AGNALDO PEREIRA CEDENHO
Sim
Nome Categoria
JERUSA SIMONE GARCIA TREVISAN Participante Externo
SANDRO CASSIANO ESTEVES Participante Externo
JOSE LUIS CHAMBO Participante Externo
MARCILIO NICHI Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Doutorado no País GD 48

Vínculo

-
-
-
Não