Dados do Projeto de Pesquisa

LITERATURA (41001010013P4)
Tradução, equivocação e interseccionalidade performativa: Feminismos de(s)coloniais nas Améreicas
01/03/2014
PESQUISA
EM ANDAMENTO
Este projeto de pesquisa parte das minhas reflexões sobre as viagens e traduções das teorias feministas pós-coloniais que venho desenvolvendo há alguns anos. Com bolsa de produtividade do CNPq, analisei as viagens norte-sul das teorias feministas e suas apropriações no espaço da academia brasileira. Coordenei, com Sonia E. Alvarez (University of Massachusetts, Amherst), um projeto mais amplo de pesquisa sobre os fluxos transnacionais dos discursos feministas e os processos de mediações culturais na(s) Amérlica(s)/Latina(s), o qual resultou no livro Translocalities/Translocalidades: Feminist Politics of Translation in the Latin/a Américas (orgs, Sonia E. Alvarez, Claudia de Lima Costa, Verónica Feliu, Rebecca Hester e Norma Klahn. Durham: Duke University Press, 2014). Ainda sobre o tema da tradução cultural, organizei, com Izabel Brandão (UFAL), Ildney Cavalcanti (UFAL) e Ana Cecilia A. Lima (UFAL), uma antologia de textos fundadores das teorias feministas, publicados originalmente em inglês, francês e espanhol, agora traduzidos ao português. Essa antologia, intitulada Traduções da cultura: Perspectivas críticas feministas (1970-2010) (financiada pelo CNPq) encontra-se no prelo (Editora Mulheres). O projeto que desenvolvo sobre feminismos e os discursos pós- e descoloniais se insere no marco de minhas pesquisas sobre as viagens e traduções culturais das teorias feministas e dá continuidade às pesquisas que realizei sobre o discurso descolonial latino-americano durante meu estágio pós-doutoral (2011-2012) no Center for Latin American, Caribbean, and Latino Studies da Universidade de Massachusetts, Amherst, sob orientação do Dr. Agustín Láo-Montes. O objetivo do projeto é explorar os desafios do feminismo contemporâneo diante dos debates descoloniais. Recorrendo ao tropo da tradução e à noção de equivocação, emprestada do perspectivismo ameríndio (sobre a qual falarei em breve), busco mapear a virada descolonial nos feminismos latino-americanos a partir dos debates sobre colonialidade do poder e do gênero. Os questionamentos que norteiam este projeto são: De que forma as teorias feministas no contexto latino-americano ?traduzem? a crítica descolonial? Quais os lugares de enunciação possibilitados pela intersecção entre as teorias feministas e descolonização do gênero (e do saber)? Que tipos de mediação são necessários nessas traduções feministas da virada descolonial latino-americana? Quais seus limites?

Histórico de Linhas de Pesquisa

Linha de Pesquisa Área de Concentração Data de Início
CRÍTICA FEMINISTA E ESTUDOS DE GÊNERO LITERATURAS 01/03/2014

Equipe

Nome Categoria Início do Vínculo Fim do Vínculo
CLAUDIA JUNQUEIRA DE LIMA COSTA (Responsável pelo Projeto) Docente - PERMANENTE 01/03/2014 -
EVILLYN KJELLIN Discente - Doutorado 01/03/2018 -
JAQUELINE ALICE CAPPELLARI Discente - Doutorado 01/03/2018 -
LINA ALVES ARRUDA Discente - Doutorado 01/03/2018 -
MONIQUE HELOISA DE SOUZA Discente - Mestrado 01/03/2018 -
SOPHIA CAROLINE SAMENEZES DE JESUS Discente - Mestrado 01/03/2018 -

Financiadores

Nome Natureza do Financiamento Início Fim
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - (Bolsa Produtividade em Pesquisa) BOLSA 01/03/2014 -