Governo Federal

Dados do Projeto de Pesquisa

ANTROPOLOGIA (15001016060P5)
Ciência e Estado na institucionalização da Arqueologia Brasileira (1900-1950).
01/04/2015
PESQUISA
CONCLUÍDO
A investigação ora proposta tem por foco a análise crítica de documentos primários e fontes secundárias relativas à História da Arqueologia no período 1900-1950, aproximadamente, com ênfase nas articulações entre Arqueologia e Etnologia nos contextos sociopolíticos da primeira República e Estado Novo. Especial atenção deverá ser dada à prática científica e suas relações com a sociedade e o estado, no sentido de perceber como se construiu uma imagem sobre o passado do país e os povos indígenas a partir da arqueologia e da etnologia. Por ser uma instituição importante no cenário museológico do país, por seu destaque no campo da antropologia e arqueologia, tanto por meio das pesquisas de campo quanto da prática colecionista, por sua proximidade ao centro de poder, localizado estrategicamente na capital do país, e por seu papel na concepção e consolidação das políticas nacionais de patrimônio, o Museu Nacional foi escolhido como instituição foco da pesquisa. Serão analisados documentos dos arquivos de Heloísa Alberto Torres, Luiz de Castro Faria, Conselho Nacional de Fiscalização de Expedições Científicas e Artísticas e Arquivo Histórico do Museu Nacional. A metodologia de pesquisa proposta é a etnografia de documentos.

Histórico de Linhas de Pesquisa

Linha de Pesquisa Área de Concentração Data de Início
ARQUEOLOGIA NA AMAZÔNIA ARQUEOLOGIA 01/04/2015

Equipe

Nome Categoria Início do Vínculo Fim do Vínculo
DENISE PAHL SCHAAN (Responsável pelo Projeto) Docente 01/04/2015 31/12/2016

Financiadores

Nome Natureza do Financiamento Início Fim
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - (OUTRO AUXÍLIO FINANCEIRO) BOLSA 01/04/2015 31/12/2016