Dados do Programa

Dinter
14/2018
03/09/2018 a

Detalhamento do Programa

10
31/08/2022
Sobral - CE

Ações Desenvolvidas no Projeto

Metas: - Formar Doutores em Educação, dentre docentes da UVA, a partir de parceria com o Programa de Pós-graduação em Educação da UFPel; - Promover o intercâmbio de experiências acadêmicas dos docentes e dos discentes de ambas as Instituições; - Estimular, proporcionar e divulgar, Palestras e Seminários, Conferências e Fóruns da/na instituição receptora e promotora, especialmente o Seminário de Educação (SED) que ocorre intercampus e Seminários que ocorrem na UVA campus Sobral; - Inserção dos futuros doutores nos atuais e futuros cursos de pós-graduação lato sensu e stricto sensu da instituição receptora. Objetivos: - Formar doutores de alto nível, comprometidos com o avanço do conhecimento para o exercício da pesquisa e do ensino; - Estimular a produção e a socialização do conhecimento no campo da educação; - Subsidiar a criação e o fortalecimento de grupos de pesquisa na região da IES Receptora. Critérios e sistemática de seleção dos alunos: Critérios de Seleção: - Ser professor efetivo da UVA campus de Sobral (proposta 12 vagas); - Ser portador do título de Mestre, reconhecido pela CAPES ou similar, ou que apresente documento comprobatório atestando que o candidato é concluinte; - Entrega de documentação exigida por edital, incluindo Currículo Vitae, formato Lattes, atualizado, com documentação comprobatória dos últimos cinco anos; - Apresentação escrita de anteprojeto de pesquisa indicando a Linha de ingresso: o projeto deverá ser analisado observando sua relevância, viabilidade e adequação à Linha de Pesquisa, bem como o potencial de orientação dos professores. Sistemática de Seleção: - Defesa oral do anteprojeto perante banca de professores do PPGE/UFPel; - Pontuação do Currículo Lattes do candidato (feita na ocasião da defesa do anteprojeto). Critérios de Pontuação na Análise Anteprojeto: - Relevância e viabilidade da pesquisa proposta e sua adequação às Linhas de Pesquisa do PPGE e ao potencial de orientação dos professores (até 3,0 pontos); - Clareza e definição do problema (até 2,5 pontos); - Qualidade da revisão da literatura e das referências apresentadas (até 2,5 pontos); - Articulação (coerência) entre objetivos e metodologia (até 2,0 pontos); Critérios de Pontuação na Análise Curricular: - Produção bibliográfica e outras produções acadêmicas (até 2,5 pontos); - Participação como ministrante e organizador em congressos, seminários, cursos, oficinas, palestras e similares (até 1,5 ponto); - Participação em Projeto de Pesquisa (até 1,5 ponto); - Docência, orientação de trabalhos acadêmicos e outras atividades profissionais (até 1,5 ponto); - Participação em projetos de ensino e extensão (até 1,0 ponto); - Participação como ouvinte em congressos, seminários, cursos, oficinas, palestras e similares (até 1,0 ponto); - Outros títulos acadêmicos – graduação e/ou pós-graduação (até 0,5 ponto). Estrutura básica da programação: Disciplinas a serem ofertadas Nome da Disciplina Seminário de Pesquisa I Seminário de Pesquisa II Seminário de Pesquisa III Seminários Avançados da Linha Cultura Escrita, Linguagens e Aprendizagem Seminários Avançados da Linha Currículo, Profissionalização e Trabalho Docente Seminários Avançados da Linha Formação de Professores, Ensino, Processos e Práticas Educativas Seminários Avançados da Linha Filosofia e História da Educação Planejamento do estágio obrigatório dos alunos junto ao Programa Promotor: O estágio obrigatório dos alunos ocorrerá no primeiro e segundo semestre de ingresso no Curso de Doutorado, permitindo que cursem, no local do PPGE/UFPel, os Seminários de Pesquisa I e II, além dos Seminários Avançados ofertados pelas Linhas de Pesquisa e do Seminário de Orientação. A alternância de liberações dos doutorandos pela instituição receptora - que fará com que o grupo cumpra os prazos de permanência na UFPel entre os 3 primeiros semestres - será suprido pela oferta de seminários na UVA. A exceção somente ocorrerá nos Seminários de Pesquisa, quando o doutorando deverá garantir semanalmente sua presença. Essa dinâmica, tal como o ingresso regular no Curso de Doutorado, visa garantir o cumprimento de créditos exigidos nos três primeiros semestres de estudos, sendo que 75% serão obtidos em seminários da UFPel e os 25% restantes na IES receptora. Ações voltadas para a minimização dos riscos de endogenia na formação de mestres e doutores: Incentiva-se que os doutorandos participem de eventos qualificados da área no Brasil e no Exterior como um dos critérios de formação e qualificação de suas pesquisas. Participação que deve ocorrer mediante apresentação de trabalho, resultando em um produto bibliográfico, publicável em periódicos qualificados no país e fora dele. Incentiva-se que os doutorandos tenham uma experiência de formação em Universidades fora do Brasil – doutorado sanduíche – possibilitando intercâmbios favoráveis à própria IES de origem. No projeto de Dinter em tela não há qualquer risco de endogenia, uma vez que as IES parceiras nunca trabalharam juntas e seus corpos docentes e discentes são diversos e distanciados, sendo esta iniciativa a primeira experiência de intercâmbio entre as instituições. As IES entendem que as possibilidades de EAD serão desenvolvidas apenas no sentido de apoiar e reforçar as atividades presenciais, sem prejuízo destas, uma vez que as disciplinas serão totalmente desenvolvidas nas duas IES na modalidade presencial. Orientação Apresentação do planejamento básico de como serão efetuadas as atividades de orientação, com descrição objetiva das relações entre orientador(a) e orientando(a): A atividade regular de orientação será iniciada logo após o ingresso do aluno no Dinter, com a aprovação pelo colegiado do curso da lista de orientadores/orientandos. Ao longo do primeiro ano, existirá aulas regulares na UFPel e em Sobral com a presença de docentes da IES promotora o que contribuirá para as interações entre orientandos e orientadores. Finda essa fase inicial e ao longo dos três anos que se seguem, a organização do curso realizará um seminário a cada semestre com a presença dos orientadores e orientandos. Essa será a forma de se manter o ritmo e o contato orientando – orientador, independentemente de emprego regular da correspondência eletrônica ou outros meios de comunicação em tempo real. Esses seminários serão realizados alternadamente entre Pelotas e Sobral.

Infraestrutura Laboratórios: A IES Receptora dispõe de infraestrutura satisfatória para a realização das atividades do Dinter em suas dependências: salas de aula com recursos audiovisuais e acesso à internet [a cabo e rede wifi] em todo o campus no qual fica o Curso de Pedagogia. Ainda dispõe de 2 laboratórios com aproximadamente 30 computadores cada, com acesso à internet. No mesmo campus, a infraestrutura oferece 2 auditórios respectivamente com a capacidade de 100 e 220 lugares com conexão à internet e equipamentos audiovisuais. Biblioteca - Informações Gerais A Biblioteca do Campus em Sobral está ligada à rede mundial de computadores, com a disponibilidade de 34 equipamentos, possuindo acervo em várias áreas do conhecimento para atender os diversos cursos oferecidos pela universidade. A Biblioteca oferece espaços para estudos individuais e coletivos. Disponibiliza o acervo para empréstimos, renovação e reserva de materiais; permite a consulta de monografias, dissertações, jornais, revistas, enciclopédias, atlas, dicionários e multimeios. O Sistema de Bibliotecas da UVA é composto por quatro bibliotecas: Biblioteca Central (Betânia), Biblioteca Setorial (CCS), Biblioteca Setorial (CCET) e Biblioteca Setorial (CCH). Acervo na área de educação: 1707 títulos e 3345 exemplares. Biblioteca - Portal de Periódicos: A Instituição Promotora tem acesso total ao Portal de Periódicos, com uma quantidade de acesso estimado nos últimos doze meses: 2499 Outros Recursos: No que diz respeito à infraestrutura, a UVA dispõe de espaço com cantina e instalações para unidades de apoio acadêmico-administrativas e outras. Vale ressaltar que o campus ainda possui salas para grupos de pesquisas do CENFLE, sendo eles: • MEDUC: Instituições, Educadores e Práticas educativas: história, memórias e biografias. Desenvolver estudos sobre a história e a memória de instituições, escolares ou não, de educadores e de práticas educativas consideradas relevantes na educação do Ceará. • GEPPU: Formação, cultura e saberes: Desenvolver pesquisas sobre a formação e a profissionalização docente para os diferentes níveis e modalidades de ensino, enfocando as políticas educacionais e os projetos políticos pedagógicos dos cursos e programas institucionais. Formação de professores para a educação básica: Discutir as diferentes concepções de ensino no contexto das culturas contemporâneas e suas consequências para a formação da juventude na universidade. Gestão dos processos de ensino na universidade: Realizar pesquisas sobre os processos de ensino na universidade com o intuito de diagnosticar, avaliar e analisar o processo de gestão e desenvolvimento dos novos currículos e as inovações/mudanças geradas para a docência no ensino superior, frente os desafios colocados para uma nova pedagogia universitária. • GEPECJU: Culturas Juvenis, Arte e Novas Sociabilidades: Dada a necessidade de uma reflexão acerca dos agenciamentos ético-estéticos característicos da(s) juventude(s) na contemporaneidade, a linha de pesquisa propõe um diálogo interdisciplinar sobre a produção de subjetividade e o protagonismo social do ator multifacetado conhecido por jovem. O debate se delimita em como estes jovens se agrupam e se diferenciam por intermédio da arte e estabelecem laços sociais inéditos por meio da tecnologia na Era da Informação (Internet, redes sociais etc.). Culturas Juvenis, Estéticas e Práticas Corporais: O objetivo dessa linha de pesquisa é analisar as relações entre corpo, estética e subjetividade nas culturas juvenis, percebendo como os jovens inseridos em diferentes contextos sociais e culturais produzem e atribuem significados aos seus corpos. Educação, Políticas Públicas e Juventude: Esta linha investiga o tema da democratização da Educação e a relação desta com diferentes processos culturais e instâncias de participação política da juventude. Inclui a análise de políticas macrossociais e de práticas formuladas e implementadas no contexto das famílias e de instituições educacionais e sociais. Enfatiza a compreensão tanto dos processos de produção de desigualdades sociais quanto de iniciativas eficazes de promoção de equidade e de participação política. Juventude, Educação e Participação: A linha de pesquisa objetiva reunir estudos que tomem por objeto os processos educativos destinados à juventude urbana e rural, bem como as experiências de participação política e cultural dessas juventudes em instituições a exemplo da escola, e em organizações da sociedade civil como ONGs, sindicatos, grêmios, pastorais, associações e cooperativas. Sociabilidades Juvenis em Contexto Universitário: A linha de pesquisa abriga estudos que tomam por objeto os jovens universitários, analisando suas experiências, espaços de vivência, formas de sociabilidade e os sentidos que eles atribuem à universidade e ao ser jovem universitário. • GEPAR: Afetividade, participação e educação: Desenvolver ações de intervenção e pesquisa voltadas para o estudo e o fortalecimento da afetividade e da participação nas escolas públicas do semi-árido nordestino, enfocando temáticas ligadas a: juventude; relações interpessoais na escola; escola e redes sociais; comunidade e escola, gestão escolar participativa. Afetividade, participação e promoção da saúde: Desenvolver ações de intervenção e pesquisa voltadas para o estudo e o fortalecimento da afetividade e da participação na promoção da saúde, com ênfase na Estratégia de Saúde da Família (ESF) e a construção de cidades, bairros, comunidades e municípios saudáveis. Afetividade, participação e políticas públicas: Desenvolver ações de intervenção e pesquisa voltadas para o estudo e o fortalecimento da afetividade e da participação nas políticas públicas realizadas no semi-árido nordestino, de modo a discutir a questão da cidadania e da democracia, bem como as estratégias de manipulação que possam subsistir dentro destas iniciativas. Afetividade, participação e planejamento: Desenvolver ações de intervenções e pesquisa voltados para o estudo e o fortalecimento da afetividade e da participação nos processos de planejamento, desenvolvidos nos diversos grupos e instituições no semi-árido nordestino, de modo a discutir o planejamento como processo social, educativo, uma ferramenta de intervenção grupal para alem do racional do seu significativo.

O Curso de Doutorado PPGE/UFPel, buscando garantir organicidade e flexibilidade na formação de novos pesquisadores e pesquisadoras, será integralizado com 48 créditos, que os doutorandos deverão cumprir da seguinte forma: * 30 créditos que podem ser aproveitados do Curso de Mestrado, mediante análise do Colegiado de Curso do Doutorado/PPGE/UFPel, ou através de Leituras Dirigidas, ou cursando Seminários Avançados oferecidos pelo Programa ou por outro Programa reconhecido pela CAPES; * 17 créditos obrigatórios que o doutorando cumprirá da seguinte forma: - 9 créditos em Seminários de Pesquisa, de caráter obrigatório, para todos os doutorandos, sendo que 3 créditos serão cursados em Seminário de Pesquisa ofertado na Linha de Pesquisa do doutorando; - 6 créditos em Seminários Avançados, de caráter obrigatório, na Linha de Pesquisa de ingresso do doutorando; - 2 créditos cursados em Práticas de Pesquisa, na Linha de Pesquisa do doutorando. * 7 créditos que poderão ser obtidos em: - Seminários Avançados ofertados pelas diferentes Linhas de Pesquisa do Curso ou cursados em outro Programa reconhecido pela CAPES; - Leituras Dirigidas; - Apresentação de trabalho completo em eventos científicos da área (1 crédito por evento e um máximo de 3 créditos ao longo do Curso); - Publicação de ensaio ou artigo em periódico nacional ou internacional indexado (1 crédito por ensaio/artigo e um máximo de 3 créditos ao longo do Curso). * Seminário de Tese: sem créditos. * Exigência de proficiência em duas Línguas Estrangeiras, podendo uma delas ser aproveitada do Mestrado. CRONOGRAMA PARA O DINTER Primeiro Semestre de 2018 – Processo de seleção: Mês de julho • inscrições • apresentação do anteprojeto • defesa do anteprojeto • resultado Segundo Semestre de 2018 • Seminário de Pesquisa I • Seminário de Tese • Seminários Avançados - 1 Seminário por Linha de Pesquisa, sendo que um cursado na UFPel e dois na UVA Campus de Sobral • Prática de Pesquisa - Participação em Pesquisa da Linha de ingresso Primeiro Semestre de 2019 • Seminário de Pesquisa II • Seminário de Tese • Seminários Avançados - Seminários por Linha de Pesquisa, sendo que um cursado na UFPel e dois na UVA Campus de Sobral • Prática de Pesquisa - Participação em Pesquisa da Linha de ingresso Segundo Semestre de 2019 • Seminário de Pesquisa III • Seminário de Tese • Seminários Avançados - Seminários por Linha de Pesquisa, sendo que um cursado na UFPel e dois na UVA Campus de Sobral Primeiro Semestre de 2019 a Segundo Semestre de 2021 • Seminário de Tese • Seminários Avançados – todos ofertados na instituição receptora.


Instituição Promotora

ALVARO LUIZ MOREIRA HYPOLITO
42003016 UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS (UFPEL)
96010610
Rua Gomes Carneiro, 01
-
-
Centro
Pelotas - RS
(53) 32845526
(53) 275 7104
(53) 275 9023
(53) 32757104
(53) 32757104
(53) 32757174
(53) 32757433
(53) 32757354
(53) 39211413
(53) 32845526
(53) 32757264
(53) 32757158
(53) 32786765
(53) 32845500
(53) 32757267
(53) 32757235
(53) 32277065
(53) 32757338
(53) 32757581
(53) 32757462
(53) 32757454
(53) 32757640
(53) 32757274
(53) 32757533
(53) 32845523
(53) 39211523
(53) 39211523
(53) 32845500
(53) 32757561
(53) 32733851
(53) 32845545
(53) 32757436
(53) 39211219
(53) 39216298
(53) 32837485
(53) 32841300
(53) 32757204
(53) 32757267
(53) 39211410
(53) 32757257
(53) 39211329
(53) 32757256
(53) 32757284
(53) 32845528
(53) 32845545
(53) 32841300
(53) 32841302
(53) 32757277
(53) 32845540
(53) 32757343
(53) 39211259
(53) 39216297
(53) 32733851
(53) 32757640
(53) 32845500
(53) 39211410
(53) 32757581
(53) 32837485
(53) 32757158
(53) 32757436
(53) 32845500
(53) 32757267
(53) 32757204
(53) 32757533
(53) 32845519
(53) 39211429
(53) 39211329
(53) 32757343
(53) 32845528
(53) 32757561
(53) 32757462
(53) 32757274
(53) 32757256
(53) 32841300
(53) 32757277
(53) 32841300
(53) 32845545
(53) 32757284
(53) 39211384
(53) 32757158
(53) 39211523
(53) 39211243
(53) 32757454
(53) 32732752
(53) 39211268
(53) 32757618
(53) 32841302
(53) 32757257
(53) 39211219
(53) 32845540
(53) 32845526
(53) 32757596
(53) 32786765
(53) 32845545
(53) 39216297
(53) 39211327
(53) 32757338
(53) 32845511
(53) 32757477
(53) 27573507200
(53) 32757350
(53) 32757336
(53) 32757391
(53) 39216295
(53) 32845523
(39) 211413
(53) 32757258
(32) 757462
(53) 32757107
(53) 32845536
(53) 32845523
(53) 32757264
(53) 32757533
(53) 39211240
(53) 32841300
(53) 32757581
(53) 32277065
(53) 32757203
(53) 32757270
(32) 223209
(53) 32757331
(53) 39211259
(53) 32256741
(53) 22224305
(53) 32757104
(53) 32757381
(53) 32845536
(53) 32841300
(53) 32757533
(53) 32757107
(53) 32759023
(53) 32845545
(53) 32757107
(53) 32757533
(53) 39211326
(53) 81191718
(53) 32757204
(53) 32757533
(53) 32845545
(53) 81422382
(53) 32845519
(53) 32845536
(53) 32757596
(53) 32732752
(53) 39211429
(53) 32776690
(53) 3921-1413
(53) 39216295
(53) 33056405
(53) 3284-3900
(53) 32843867
(53) 32843857
(53) 32843860
(53) 39211523
(53) 32843900
(53) 32843195
(53) 32843195
(53) 39211528
(53) 33092411
(53) 32757158
(53) 32757343
(53) 32843823
(53) 32757584
(53) 32757573
(53) 32843212
juliano.carmo@ufpel.edu.br

Instituição(ões) Receptora(s)

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ

REJANE MARIA GOMES DA SILVA
62040370
AV. DA UNIVERSIDADE, 850
-
-
BETÂNIA
Sobral - CE
(88) 36116725
(53) 275 7104
(53) 275 9023
(53) 32757104
(53) 32757104
(53) 32757174
(53) 32757433
(53) 32757354
(53) 39211413
(53) 32845526
(53) 32757264
(53) 32757158
(53) 32786765
(53) 32845500
(53) 32757267
(53) 32757235
(53) 32277065
(53) 32757338
(53) 32757581
(53) 32757462
(53) 32757454
(53) 32757640
(53) 32757274
(53) 32757533
(53) 32845523
(53) 39211523
(53) 39211523
(53) 32845500
(53) 32757561
(53) 32733851
(53) 32845545
(53) 32757436
(53) 39211219
(53) 39216298
(53) 32837485
(53) 32841300
(53) 32757204
(53) 32757267
(53) 39211410
(53) 32757257
(53) 39211329
(53) 32757256
(53) 32757284
(53) 32845528
(53) 32845545
(53) 32841300
(53) 32841302
(53) 32757277
(53) 32845540
(53) 32757343
(53) 39211259
(53) 39216297
(53) 32733851
(53) 32757640
(53) 32845500
(53) 39211410
(53) 32757581
(53) 32837485
(53) 32757158
(53) 32757436
(53) 32845500
(53) 32757267
(53) 32757204
(53) 32757533
(53) 32845519
(53) 39211429
(53) 39211329
(53) 32757343
(53) 32845528
(53) 32757561
(53) 32757462
(53) 32757274
(53) 32757256
(53) 32841300
(53) 32757277
(53) 32841300
(53) 32845545
(53) 32757284
(53) 39211384
(53) 32757158
(53) 39211523
(53) 39211243
(53) 32757454
(53) 32732752
(53) 39211268
(53) 32757618
(53) 32841302
(53) 32757257
(53) 39211219
(53) 32845540
(53) 32845526
(53) 32757596
(53) 32786765
(53) 32845545
(53) 39216297
(53) 39211327
(53) 32757338
(53) 32845511
(53) 32757477
(53) 27573507200
(53) 32757350
(53) 32757336
(53) 32757391
(53) 39216295
(53) 32845523
(39) 211413
(53) 32757258
(32) 757462
(53) 32757107
(53) 32845536
(53) 32845523
(53) 32757264
(53) 32757533
(53) 39211240
(53) 32841300
(53) 32757581
(53) 32277065
(53) 32757203
(53) 32757270
(32) 223209
(53) 32757331
(53) 39211259
(53) 32256741
(53) 22224305
(53) 32757104
(53) 32757381
(53) 32845536
(53) 32841300
(53) 32757533
(53) 32757107
(53) 32759023
(53) 32845545
(53) 32757107
(53) 32757533
(53) 39211326
(53) 81191718
(53) 32757204
(53) 32757533
(53) 32845545
(53) 81422382
(53) 32845519
(53) 32845536
(53) 32757596
(53) 32732752
(53) 39211429
(53) 32776690
(53) 3921-1413
(53) 39216295
(53) 33056405
(53) 3284-3900
(53) 32843867
(53) 32843857
(53) 32843860
(53) 39211523
(53) 32843900
(53) 32843195
(53) 32843195
(53) 39211528
(53) 33092411
(53) 32757158
(53) 32757343
(53) 32843823
(53) 32757584
(53) 32757573
(53) 32843212
reitoria@uvanet.br