Dados da Disciplina

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI
Saúde, Sociedade e Ambiente (32010010007P4)
A IDÉIA DE NATUREZA E AS PRÁTICAS SOCIAIS DE CURA
SSA
750
3
01/01/2012 à -
Não
O humano: sua unidade biológica e a sua diversidade cultural; relação saúde/doença e suas representações sociais; dinâmica cultural; conceito de cultura x natureza; doença como pólo natural e a cura como pólo cultural; as técnicas de cura do xamã, comunidades tradicionais e a percepção social do processo saúde x doença; a idéia de natureza e as práticas de cura. Objetivos: Envolver os discentes em reflexões sobre as representações sociais de comunidades tradicionais, principalmente povos indígenas, sobre a relação saúde x doença e desta com a concepção de natureza destes povos. Demonstrar que há intima relação entre a percepção social da doença e a percepção social da natureza, relação que se realiza na prática e no discurso xamânico.
1. CANGUILHEM, Georges. Escritos sobre a medicina. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2005 2. CARVALHO, Fernanda S. Koixomuneti: Xamanismo e prática de cura entre os Terena. São Paulo: Terceira Margem, 2008 3. CARVALHO, M.A. Introdução à práxis indígena: Gente Humana ou Gente natureza. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado, 2002. 4. ELIADE, M. El Chamanismo y las técnicas arcaicas del extaxis. México/Buenos Aires, Fondo de Cultura Económica, 1986. 5. LARAIA, R B. Cultura: Um conceito antropológico. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1993. 6. LAPLANTINE, François. Antropologia da doença. São Paulo: Martins Fonte, 2004. 7. LÉVI-STRAUSS, Claude. Pensamento selvagem. Campinas, SP: Papirus, 1989. 8. MAUSS, Marcel. Sociologia e antropologia. São Paulo: Cosac & Naify, 2003. 9. REICHEL-DOLMATOFF, G. Conceitos indígenas de doença e de equilíbrio ecológico: os Tukano e os Kogi da Colômbia. In Terra Indígena, no 29; Outubro 1984: 3-13. 10. WILSON, Edward. A conquista social da terra. Companhia das Letras: São Paulo, 1a ed., 391p., 2013. 11. THOMAS, Keith. O homem e o mundo natural: Mudanças de atitudes em relação às plantas e aos animais. São Paulo, Companhia das Letras, 1988. 12. VIVEIROS DE CASTRO, E. Os pronomes cosmológicos e o perspectivismo Ameríndios. Mana, 2(2): 115-144. 1996 Site Somos 1: <http://www.somos1so.com.br>

Cursos

Saúde, Sociedade e Ambiente
Mestrado Profissional
45

Áreas de Concentração

INTERDISCIPLINAR