Dados da Disciplina

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
LETRAS (23002018004P7)
TEORIAS LINGUÍSTICAS
LE
12120
3
05/05/2015 à -
Não
Estudo das teorias linguísticas e seus fundamentos, compreendendo as questões teórico-metodológicas das principais correntes linguísticas: dos estudos pré-estruturalistas aos estudos enunciativos contemporâneos
AUSTIN, J. L. Quando dizer é falar: palavras e ação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1990. BAKHTIN, M. Marxismo e filosofia da linguagem. São Paulo: Hucitec, 1988. BENVENISTE, É. Problemas de linguística geral. Campinas: Pontes, 1991. BIDERMAN, M. T. C. Teoria linguística. 2 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2001. CAMARA JR., J. M. Problemas de linguística descritiva. 11 ed. Petrópolis: Vozes, 1984. CASTILHO, A. T. de. A língua falada no ensino de português. São Paulo: Contexto, 2000. CHOMSKY, N. Linguagem e pensamento. 3 ed. Petrópolis: Vozes, 1973. DASCAL, M. (Org.). Concepções gerais da teoria linguística. São Paulo: Global, 1978. DUPUY, J. P. Nas origens das ciências cognitivas. São Paulo: EDUSP, 1996. FARACO, C. A. Linguística histórica. São Paulo: Ática, 1991. FÁVERO, L. L., KOCK, I. G. V. Linguística textual: introdução. 4 ed. São Paulo: Cortez, 1983. HORA, D. Teorias linguísticas. João Pessoa: Edufpb, 2003. JAKOBSON, R. Fonema e fonologia. Rio de Janeiro: Acadêmica, 1972. LYONS, J. Semântica. Lisboa: Presença, 1977. MARCUSCHI, L. A. Análise da conversação. 2 ed. São Paulo: Ática, 1991. ORLANDI, E. P. Análise do discurso: princípios e procedimentos. 4 ED. Campinas: Pontes, 2002. PAVEAU, M.; SARFATI, G. As grandes teorias da linguística. São Carlos: Claraluz, 2006. RORTY, R. Pragmatismo. São Paulo: Martins Fontes, 2005. SANTOS, I. Teorias linguísticas: rápidos olhares. Mossoró-RN: Queima-Bucha, 2013. SAUSSURE, F. Curso de linguística geral. 32 ed. São Paulo: Cultrix, 2000. WITTGENSTEIN, L. Investigações filosóficas. 5 ed. São Paulo: Nova Cultural, 1991.

Cursos

LETRAS
Mestrado
45
LETRAS
Doutorado
45

Áreas de Concentração

ESTUDOS DO DISCURSO E DO TEXTO